Processos Eleitorais No Rs: O Prp E A Construção Das Alianças Políticas De 1958 E 1962

Teste agora Assinatura sem compromisso. Cancele quando quiser.

Sinopse

O propósito desta pesquisa é analisar as alianças e/ou coligações realizadas pelo Partido de Representação Popular (PRP) no Rio Grande do Sul nas eleições para o governo do estado de 1958 e 1962. Procuramos investigar o funcionamento do sistema partidário a partir das alianças realizadas por um “partido pequeno” com as duas maiores correntes políticas do estado naquele período (os “trabalhistas”, capitaneados pelo PTB; e a frente antitrabalhista, reunindo PSD, UDN, PL e PDC). Definimos nosso estudo a partir da aceitação do PRP no sistema partidário brasileiro, da disputa entre as principais forças políticas pelo seu apoio e da sua inserção no aparelho burocrático-administrativo do estado. Nas eleições de 1958, o PRP se coligou com o Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) e em 1962 integrou a Ação Democrática Popular (ADP), junto com PSD, UDN, PL e PDC. Tentaremos desvendar os critérios utilizados para a formação dessas alianças com correntes políticas antagônicas e a forma como foram construídas e consolidadas no interior do partido. Para melhor compreendermos a trajetória política do PRP, buscamos sintetizar sua política de alianças no período anterior, verificando a partir de 19...