Governança Em Família

Teste agora Assinatura sem compromisso. Cancele quando quiser.

Sinopse

O empreendedor que constitui uma empresa familiar costuma ser alguém com profunda paixão por seu negócio. Porém, envolvidos nas dificuldades de criar e fazer crescer a própria empresa, muitos não se dedicam a preparar a sucessão, que assegura longevidade e perenidade ao que estabeleceram. Na ausência dessa preparação, muitos conflitos começam justamente pela dificuldade de alinhar os interesses da família aos dos negócios – afinal, famílias são emocionais e negócios são racionais. É preciso entender que a empresa familiar normalmente se defronta com uma série de questões fundamentais, da ausência de estratégias bem definidas à confusão entre propriedade e gestão, dificuldades que costumam ser aprofundadas pelo conflito de interesse e atritos entre familiares. Para combater essas dificuldades, é essencial que sejam estabelecidos instrumentos e uma estrutura capaz de dar alinhamento, sustentabilidade e longevidade ao negócio. A trilha a seguir e os instrumentos legais e administrativos de governança corporativa que devem ser implementados são conhecidos. É necessário estabelecer um acordo de sócios e acionistas, criar um conselho de família e um conselho consultivo ou de administr...