Dia A Dia Da Economia - Míriam Leitão

Sinopse

Análise diária dos principais fatos da economia com uma das mais importantes e influentes jornalistas do país.

Episódios

  • Nova CPMF e ataques à Lava-jato pautaram a semana

    Nova CPMF e ataques à Lava-jato pautaram a semana

    31/07/2020 Duração: 09min

    Míriam Leitão avalia que a equipe econômica do governo passou a falar com muito mais desenvoltura sobre a CPMF nesta semana. Para a comentarista, esse imposto é um péssimo caminho. Míriam também lembra a fala de Augusto Aras em relação à Lava-jato e cita outros acontecimentos da semana.

  • Quando um governo usa a máquina do Estado para perseguir supostos adversários é a democracia que morre

    'Quando um governo usa a máquina do Estado para perseguir supostos adversários é a democracia que morre'

    31/07/2020 Duração: 09min

    Míriam Leitão analisa a postura do governo em ‘fichar’ servidores públicos pelo que pensam. O Ministério Público Federal abriu uma investigação sobre o caso. Por meio de nota, o Ministério da Justiça defendeu o monitoramento desses funcionários. 'Isso é gravíssimo'. Ela acrescenta que 'quando o Ministério da Justiça passa achar normal uma coisa irregular é porque se perdeu o parâmetro dos limites constitucionais'.

  • O governo está tentando enganar a todos nós contribuintes

    'O governo está tentando enganar a todos nós contribuintes'

    30/07/2020 Duração: 07min

    Míriam Leitão fala da ideia do governo em desonerar 25% de todos os salários em troca de um imposto digital. Ela acrescenta que o que o governo quer fazer é um imposto sobre qualquer pagamento. 'No final das contas todo mundo vai pagar no preço final'. Miriam diz que é um imposto que tira a transparência, se acumula e é regressivo.

  • Como o jornal O Globo soube se reinventar desde a criação, há 95 anos

    Como o jornal O Globo soube se reinventar desde a criação, há 95 anos

    29/07/2020 Duração: 12min

    Míriam Leitão relembra importantes acontecimentos que o jornal cobriu ao longo de quase um século de existência, desde a ditadura militar até o fechamento de um buraco no Engenho Novo, na Zona Norte do Rio, passando pela implementação do Plano Real e pelo surgimento da internet.

  • O sistema político sempre quis desmontar a Lava-jato

    'O sistema político sempre quis desmontar a Lava-jato'

    29/07/2020 Duração: 08min

    Míriam Leitão analisa as críticas de Augusto Aras feitas a operação Lava-jato durante conversa com advogados criminalistas em um debate virtual. 'O procurador-geral da República sinalizou mais um passo na direção do que ele quer desde o começo. Ele está desmontando a Lava-jato'. Ela destaca que é curioso que acontece em um governo que surfou em uma campanha anticorrupção. 'Uma coisa é impor correção de rumo em um processo investigativo, outra coisa é querer acabar com o processo investigativo'.

  • A educação para diversidade acaba sendo uma forma de fortalecer a economia e a democracia

    'A educação para diversidade acaba sendo uma forma de fortalecer a economia e a democracia'

    28/07/2020 Duração: 11min

    Míriam Leitão fala sobre os debates realizados pelo O Globo para marcar os 95 anos do jornal. O desafio é pensar em coisas que constroem o futuro. Hoje, o assunto foi 'Educação para diversidade', que contou com a participação de colunistas e convidados.

  • Tentativas de contornar o teto de gastos preocupam

    'Tentativas de contornar o teto de gastos preocupam'

    28/07/2020 Duração: 07min

    Míriam Leitão analisa a questão do teto de gastos em meio à pandemia. A questão é como fazer depois com o crescimento da dívida. O horizonte é dado pelas regras fiscais. 'É preciso construir uma arquitetura fiscal'. Na equipe econômica começam a surgir alguns truques, como pegar dinheiro de um fundo, como o Fundeb, que está fora do teto, para usar em outro projeto. 'Qual o grau de comprometimento da equipe econômica com o teto?'.

  • Na pandemia, desigualdades sociais se transformaram em questões de vida ou morte

    Na pandemia, desigualdades sociais se transformaram em 'questões de vida ou morte'

    27/07/2020 Duração: 09min

    Míriam Leitão comenta que, em países com grande desigualdade social, a crise causada pelo novo coronavírus prejudica especialmente os mais pobres. Ela destaca que a existência do SUS atenua disparidades, mas lembra que ainda há muito a ser feito. 'Sairemos da pandemia com a certeza de que temos que trabalhar para reduzir desigualdades', afirma.

  • Aumentar a carga tributária é fácil, o caminho difícil é mudar a economia de verdade

    'Aumentar a carga tributária é fácil, o caminho difícil é mudar a economia de verdade'

    27/07/2020 Duração: 07min

    Míriam Leitão destaca a volta da discussão da reforma tributária e o risco de aumento de impostos. Ela destaca que governadores costuraram entre eles um acordo de uma reforma possível, mas o governo desperdiça esse momento. 'A solução não é aumentar a carga, mas tornar mais eficiente a maneira de cobrar os impostos no Brasil'.

  • Semana econômica marcada pelo Fundeb e reforma tributária

    Semana econômica marcada pelo Fundeb e reforma tributária

    24/07/2020 Duração: 11min

    No resumo da semana, Míriam Leitão relembra a aprovação do Fundeb, destaca o projeto que o governo chama de reforma tributária e cita também relatório do TCU que mostra que o governo gastou muito menos do que poderia no combate à Covid-19. Além disso, houve anúncio da prévia da inflação e problemas nas contas da Caixa Econômica Federal.

  • É uma gestão criminosa de uma pandemia

    'É uma gestão criminosa de uma pandemia'

    24/07/2020 Duração: 09min

    Míriam Leitão fala do estudo publicado no Brasil sobre a cloroquina e a insistência do governo em investir na produção extravagante de um medicamento sem comprovação científica. 'Bolsonaro deu ordens que colocaram a vida do brasileiro em risco'.

  • Não adianta fazer propaganda quando os números falam por si

    'Não adianta fazer propaganda quando os números falam por si'

    23/07/2020 Duração: 08min

    Míriam Leitão critica o presidente Jair Bolsonaro por querer fazer propaganda no exterior, quando o fato é que o desmatamento cresceu em seu governo. Comentarista destaca que o mundo inteiro está sabendo o que está acontecendo no Brasil e que é preciso primeiro "corrigir o passo", antes de pensar em propaganda.

  • Propaganda que não corresponde aos fatos é inútil para o país

    Propaganda que não corresponde aos fatos é inútil para o país

    23/07/2020 Duração: 08min

    Míriam Leitão critica intenção do governo brasileiro de investir em propaganda no exterior para melhorar a imagem ambiental do país. Ela explica que, em vez de alimentar teorias de perseguição, o caminho certo é identificar o que está sendo feito de errado e corrigir.

  • O Fundeb aprovado é ótimo, mas a gente continua preocupado com a educação

    'O Fundeb aprovado é ótimo, mas a gente continua preocupado com a educação'

    22/07/2020 Duração: 07min

    Míriam Leitão analisa a aprovação na Câmara da PEC que torna o Fundeb permanente e que dobra os gastos da União na educação básica, passando a complementação dos atuais 10% para 23%. 'Foi uma vitória maiúscula de quem defende a educação'. O governo ainda tentou atropelar na reta final com outra ideia, mas a proposta sofreu total rejeição. 'Foi uma vitória impressionante'. A PEC segue agora para o Senado.

  • O governo sempre subestimou a crise e fez do Ministério da Saúde uma descontinuidade administrativa

    'O governo sempre subestimou a crise e fez do Ministério da Saúde uma descontinuidade administrativa'

    22/07/2020 Duração: 08min

    Míriam Leitão analisa dados de uma reportagem da Folha de S. Paulo que detalha os gastos do Ministério da Saúde no combate ao coronavírus, com base em informações do Tribunal de Contas da União. O levantamento aponta que o governo gastou menos de um terço da verba disponível. Míriam destaca ainda a descontinuidade de uma pesquisa importante realizada pela Universidade de Pelotas por falta de apoio do governo. 'O governo tem um comportamento de negação da Ciência. Esse é um exemplo do não gasto que traz prejuízo para o país'.

  • Economistas avaliam que alíquota de 12% para unir PIS e Cofins é muito alta

    Economistas avaliam que alíquota de 12% para unir PIS e Cofins é muito alta

    21/07/2020 Duração: 06min

    Além disso, muitos apontam o risco de aumentar a tributação. Segundo Míriam Leitão, são duas alíquotas que incindem de maneiras diferentes, e isso gera muita distorção. Para ela, é necessário mexer no PIS/Cofins para simplificar esse 'manicômio tributário', mas a proposta do governo, que está na reforma tributária, pode acabar prejudicando alguns setores.

  • Governo não vai apresentar uma reforma tributária completa

    Governo não vai apresentar uma reforma tributária completa

    21/07/2020 Duração: 06min

    Míriam Leitão explica que o que o governo vai apresentar hoje é apenas um pedaço do que pode se chamar de reforma tributária. Ela acrescenta que o governo atual fala muito e faz pouco.

  • Bolsonaro passa o tempo todo criando pontos de dispersão em vez de gerar unidade

    Bolsonaro passa o tempo todo criando 'pontos de dispersão' em vez de gerar unidade

    20/07/2020 Duração: 11min

    Míriam Leitão faz um balanço das ações do governo Bolsonaro depois de um ano e meio em diferentes áreas. Segundo ela, a situação mais crítica é a da saúde, porque 'ficou claro que o presidente não soube gerir a crise' do coronavírus. 'Brigou com Congresso, com o STF, com os governadores e divulgou desinformação', avalia ela.

  • Proposta do governo para Fundeb é totalmente inaceitável

    Proposta do governo para Fundeb é 'totalmente inaceitável'

    20/07/2020 Duração: 08min

    Míriam Leitão destaca que a proposta do governo faz um absurdo, do ponto de vista fiscal, que é pegar um dinheiro do financiamento de educação e transformar em transferência de renda. "Ïsso é o erro técnico", diz. Comentarista ressalta a extrema importância do Fundeb e critica o fato do Ministério da Economia ter chegado de última hora. "É para melar o jogo democrático e político", avalia.

  • Semana é marcada por esforços para conter estragos causados pela política ambiental

    Semana é marcada por esforços para conter estragos causados pela política ambiental

    17/07/2020 Duração: 12min

    Míriam Leitão destaca a reunião do vice-presidente Hamilton Mourão, a prorrogação da GLO na Amazônia e a suspensão das queimadas por 120 dias como exemplos disso. O problema, segundo a comentarista, é que o ministro Ricardo Salles foi mantido no cargo e elogiado por Bolsonaro, que, na avaliação dela, não quer demonstrar recuo. A situação se repete no Ministério da Saúde, que tem feito uma gestão 'péssima' da pandemia.

página 1 de 2

Informações: